Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

pouparcozinharedivagar


Quinta-feira, 14.05.15

Tarte Fácil e Rápida de Natas e Leite Condensado – uma delícia!!!

tarte2.PNG

 

Ingredientes:

1 embalagem de massa folhada de compra

2 pacotes pequenos de natas (200ml cada)

1 lata pequena de leite condensado

2 ovos + 1 gema

 

Preparação:

Misturar todos os ingredientes até obter um creme homogéneo.

Verter numa tarteira, forrada com papel vegetal e levar ao forno pré-aquecido a 180º por cerca de 25 a 30 minutos. Quando começar a ficar dourada, está pronta!

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Quinta-feira, 07.05.15

Folhado com creme de pasteleiro e canela (cuisine companion ou preparação tradicional) - 2ª tentativa

DSC02589.JPG

 

Na 2ª tentativa o folhado ficou mesmo bonito 

 

 

DSC02586.JPG

DSC02585.JPG

 

Ingredientes:

1 placa de massa folhada retangular de compra

Creme de pasteleiro

Canela em pó qb

 

Para o creme de pasteleiro:

250 ml de leite (200+50)

75 gr açúcar 2 gemas 15 gr farinha de Trigo 15 gr farinha Maizena

1 limão (casca)

 

Preparação:

Picar a passa folhada com um garfo. Cortar em 3 retângulos semelhantes e colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal. Levar ao forno pré-aquecido a 190º até a massa estar cozida (cerca de 20 a 25 minutos). Para a massa não crescer muito, cobrir com um tapete de silicone (mas é preciso ir espreitando para não deixar queimar a massa) ou quando a massa começar a crescer, furar com um garfo ou palito.

 

 

Creme de pasteleiro na Cuisine Companion:

Na taça da CC colocar o acessório misturador. Juntar 200 ml de leite, o açúcar e a casca do limão.

Programar 8 minutos, 90º, velocidade 2.

 

Entretanto, num recipiente juntar as farinhas e 50 ml de leite, misturando bem com um garfo. Juntar as gemas e mexer bem. Reservar.

 

No final dos 8 minutos, retirar a casca do limão e juntar as farinhas com o leite e as gemas.

Programar mais 8 minutos, 90º, velocidade 4.

 

Este creme fica muito consistente, enquanto arrefece o melhor é colocá-lo num recipiente coberto com película aderente, levando a película, mesmo até ao creme, senão cria uma “capa” como o leite creme.

 

Creme de pasteleiro pela forma tradicional:

Num tacho ou panela, ferver os 200ml de leite com a casca do limão. Quando ferver, retirar do fogão/placa , retirar a casca do limão e deixar arrefecer um pouco.

À parte, juntar o açúcar, as farinhas, as gemas e 50 ml de leite, misturando bem. Verter no tacho/panela e levar novamente ao lume, mexendo sempre até engrossar.

 

Para formar o bolo:

Colocar um retângulo de massa folhada, cobrir com creme de pasteleiro. Colocar outro retângulo de massa folhada, cobrir com mais creme de pasteleiro,. Colocar o último retângulo de massa folhada, cobrir com o restante creme de pasteleiro e polvilhar com canela.

 

DSC02584.JPG

DSC02587.JPG

DSC02588.JPG

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Terça-feira, 28.04.15

Folhado com creme de pasteleiro e canela (cuisine companion ou preparação tradicional)

 

DSC02499.JPG

DSC02500.JPG

DSC02501.JPG

Ingredientes:

1 placa de massa folhada retangular de compra

Creme de pasteleiro

Canela em pó qb

 

Para o creme de pasteleiro:

250 ml de leite (200+50)

75 gr açúcar 2 gemas 15 gr farinha de Trigo 15 gr farinha Maizena

1 limão (casca)

 

Preparação:

Picar a passa folhada com um garfo. Cortar em 3 retângulos semelhantes e colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal. Levar ao forno pré-aquecido a 190º até a massa estar cozida (cerca de 20 a 25 minutos). Para a massa não crescer muito, cobrir com um tapete de silicone (mas é preciso ir espreitando para não deixar queimar a massa) ou quando a massa começar a crescer, furar com um garfo ou palito.

 

 

Creme de pasteleiro na Cuisine Companion:

Na taça da CC colocar o acessório misturador. Juntar 200 ml de leite, o açúcar e a casca do limão.

Programar 8 minutos, 90º, velocidade 2.

 

Entretanto, num recipiente juntar as farinhas e 50 ml de leite, misturando bem com um garfo. Juntar as gemas e mexer bem. Reservar.

 

No final dos 8 minutos, retirar a casca do limão e juntar as farinhas com o leite e as gemas.

Programar mais 8 minutos, 90º, velocidade 4.

 

Este creme fica muito consistente, enquanto arrefece o melhor é colocá-lo num recipiente coberto com película aderente, levando a película, mesmo até ao creme, senão cria uma “capa” como o leite creme.

 

Creme de pasteleiro pela forma tradicional:

Num tacho ou panela, ferver os 200ml de leite com a casca do limão. Quando ferver, retirar do fogão/placa , retirar a casca do limão e deixar arrefecer um pouco.

À parte, juntar o açúcar, as farinhas, as gemas e 50 ml de leite, misturando bem. Verter no tacho/panela e levar novamente ao lume, mexendo sempre até engrossar.

 

Para formar o bolo:

Colocar um retângulo de massa folhada, cobrir com creme de pasteleiro. Colocar outro retângulo de massa folhada, cobrir com mais creme de pasteleiro,. Colocar o último retângulo de massa folhada, cobrir com o restante creme de pasteleiro e polvilhar com canela.

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Terça-feira, 14.04.15

Pavlova – 2ª experiência - melhoramentos e ilações para a próxima

DSC02446.JPG

E para gastar as claras que sobraram do pão-de-ló da Páscoa – Pavlova – 2ª experiência. Alguns melhoramentos e algumas ilações para a próxima.

Esta já ficou um pouco mais alta, usando na mesma 6 claras. Usei um pouco mais de Maizena e menos vinagre.

Decididamente, tenho que me esforçar por reduzir o diâmetro da Pavlova. Só tenho um prato onde consigo colocar a Pavlova, quando me inclino para um diâmetro de 22 cm (que ao arredondar a massa, ainda devo passar um pouquinho). Para a próxima vou tentar os 20 cm de diâmetro, no máximo. O ideal deve ser 18 cm, digo eu...

Ainda por cima esta era para transportar e não me coube em nenhuma boleira.

Desta vez fiz em base de silicone, mas mesmo assim continua a ser difícil desenformar, sem estalar mais um pouco. Este passo ainda tenho que melhorar.

Ainda não foi desta que juntei o chocolate.

 

À parte disso ficou deliciosa.

DSC02441.JPG

DSC02442.JPG

DSC02444.JPG

DSC02445.JPG

DSC02446.JPG

DSC02448.JPG

DSC02451.JPG

DSC02462.JPG

Ingredientes

6 claras

350 gr açúcar

2 colheres de sopa de maizena

1 colher de sopa de vinagre

Para a cobertura:

1 pacote de natas de 200 ml

açucar qb

framboesasm, uvas e morangos

granulado de chocolate

 

Preparação:

Pré aquecer o forno a 150º

Bater as claras em castelo, até ficarem firmes. Aos poucos adicionar o açúcar, a maizena e o vinagre.

Num tabuleiro, colocar papel vegetal ou tapete de silicone.

Preencher um círculo com o merengue.

Colocar no forno e ao fim de 5 minutos, reduzir a temperatura para 130º. Cozinhar o merengue durante cerca de 1 hora. Evitar abrir a porta do forno até ao final dos primeiros 40 minutos.

Quando estiver pronto, desligar o forno e deixar arrefecer lá dentro.

Para a cobertura, bater as natas, com açúcar a gosto, até ficarem densas e reservar no frigorífico.

Colocar as natas por cima do merengue, quando frio e decorar com a fruta e granulado de chocolate.

 

 

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Quinta-feira, 09.04.15

Pão-de-ló Húmido

Esta é a típica receita do pão-de-ló de Alfeizerão  fica sempre bom!!!

DSC02377.JPG

Ingredientes:


2 ovos grandes inteiros
6 gemas
50 gr de farinha Pão Bolos  (Sem Glúten para os intolerantes)
100 gr de açúcar
papel vegetal

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 220º.

Bater, cerca de 8 a 10 minutos na batedeira, na potência máxima, as gemas, os ovos inteiros e o açúcar até crescer e ficar um creme fofo e esbranquiçado (se os ovos forem caseiros, o creme fica de um tom amarelo claro).

Peneirar a farinha directamente para o creme e envolver à mão, em movimentos circulares de cima para baixo.

Forrar uma forma pequena com papel vegetal (forma sem buraco, com cerca de 22 cms de diâmetro) e deitar lá o creme.

Levar ao forno durante 7 a 8 minutos.

DSC02370.JPG

DSC02371.JPG

 

DSC02373.JPG

DSC02374.JPG

DSC02375.JPG

DSC02377.JPG

 

DSC02430.JPG

 

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Segunda-feira, 30.03.15

Pavlova de frutos vermelhos

Tinha ainda 6 claras congeladas, que me sobraram das doçarias do Ano Novo e pensei em fazer uma Pavlova. Afinal têm sempre tão bom aspeto, mas nunca tinha feito e receei que fosse uma experiência em vão  ainda para mais com claras congeladas 

Felizmente tudo correu bem  talvez com claras frescas o merengue cresça mais, mas para primeira experiência dou-me por muito satisfeita com o resultado. As natas é que podiam ter ficado um pouco mais consistentes, mas não as levei ao frio depois de bater, sou gulosa por provar tudo 

DSC02305.JPG

DSC02308.JPG

DSC02313.JPG

 

Ingredientes

6 claras

325 gr açúcar

1,5 colher de sopa de maizena

1,5 colher de sopa de vinagre

Para a cobertura:

1 pacote de natas de 200 ml

açucar qb

framboesas e morangos

granulado de chocolate

 

Preparação:

Pré aquecer o forno a 150º

Bater as claras em castelo, até ficarem firmes. Aos poucos adicionar o açúcar, a maizena e o vinagre.

Num tabuleiro, colocar papel vegetal e com um prato desenhar um círculo (o meu prato tinha um diâmetro de 21cm).

Virar o papel vegetal ao contrário, para a massa não ficar em contato com a tinta da caneta/lápis.

Preencher o círculo com o merengue.

Colocar no forno e ao fim de 5 minutos, reduzir a temperatura para 130º. Cozinhar o merengue durante cerca de 1 hora. Evitar abrir a porta do forno até ao final dos primeiros 40 minutos.

Quando estiver pronto, desligar o forno e deixar arrefecer lá dentro.

Para a cobertura, bater as natas, com açúcar a gosto, até ficarem densas (as minhas não ficaram lá muito, apesar de estarem bem frias quando as bati).

Colocar as natas por cima do merengue, quando frio (ou quase) e decorar com os frutos vermelhos e granulado de chocolate.

No dia seguinte está ainda melhor 

DSC02307.JPG

DSC02309.JPG

 

 

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Sexta-feira, 20.03.15

Pavê de Palitos La Reine e frutos vermelhos

 

DSC02229.JPG

DSC02230.JPG

Ingredientes:

1 lata de leite condensado

1 medida da lata de leite 

4 ovos

1 pacote de natas

Açúcar q.b.

Biscoitos Palitos de La Reine

Café

Frutos Vermelhos para decorar

 

Preparação:

Colocar num tacho, o leite condensado, o leite e as gemas de ovos e deixar lume brando até engrossar. Ir mexendo de vez em quando para não colar.

Retirar e deixar arrefecer.

Bater muito bem as natas, com um pouco de açúcar. Reservar.  

Bater as claras em castelo.

Misturar as claras com as natas e levar uns minutos ao frigorífico.

Fazer café forte para molhar os biscoitos.

Numa taça colocar camadas intercaladas de creme amarelo e de biscoitos molhados no café. Por cima dispor o creme branco. 

Levar ao frigorífico. Decorar com frutos vermelhos a gosto. Como eu decorei antes de levar ao frigorífico, os frutos ficaram um pouco "mergulhados" no creme branco .

 

DSC02225.JPG

DSC02226.JPG

DSC02227.JPG

DSC02228.JPG

 

DSC02245.JPG

 

 

DSC02248.JPG

 

DSC02239.JPG

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Domingo, 15.03.15

Queques de coco

Um ingrediente do qual eu gosto bastante em bolos é... coco 

Estava eu a folhear um livro de um conceituado Chef português e encontrei uma receita de queques de coco, receita essa com adoçante e em que os queques, alegadamente cozeriam em 15 minutos, a150º, em banho maria.

Pois bem, adaptei para açúcar e não hesitei em testar.

Não cozem em banho maria em 15 minutos, nem sequer em 30 minutos. A massa começa a ficar dourada por cima, mas de meio até à base continua líquida. Ao fim de 30 minutos retirei de banho maria, elevei a temperatura para 160º e deixei cozer por mais 15 minutos. Ficaram deliciosos, os últimos que retirei do forno, ficaram tal e qual coquinhos, mas mais fofos no interior :)

Da próxima vez, não vou colocar em banho maria, para testar quanto tempo será necessário. Certamente será bem menos 

DSC02188.JPG

DSC02187.JPG

DSC02186.JPG

DSC02185.JPG

DSC02184.JPG

DSC02183.JPG

 

DSC02178 (2).JPG

 

Ingredientes

3 ovos

210 gr de açucar

130 gr de coco ralado

1 colher de chá de farinha

forminhas de papel

óleo para untar

Preparação

Colocar todos os ingredientes numa taça e bater com a batedeira.

Levar ao forno a 150º, em forminhas untadas, em banho maria, durante 30 minutos. Fazer o teste do palito. Se a massa continuar líquida, elevar a temperatura para 160º, retirar de banho maria e deixar cozer no forno durante mais 10 a 15 minutos.

Quando cozidos, desenformar com cuidado (é melhor deixar arrefecer um pouco), virá-los ao contrário e colocar em novas forminhas de papel, polvilhando com coco.

Enquanto desenformei os primeiros, os que ficaram ainda no forno, ficaram douradinhos, verdadeiros coquinhos. Mas por dentro ficaram bem fofinhos.

A massa rendeu 12 queques, mais um pequenino 

 

 

 

 

 

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Quarta-feira, 11.03.15

Mini-Tartes de Iogurte e Canela

Para aproveitar dois iogurtes de coco que tinha em casa, fiz estas mini-tartes que ficaram uma delícia. Adaptei os ingredientes de algumas receitas de queijadas e o resultado foi o seguinte:

 tarteletes2.jpg

 

Ingredientes:

2 iogurtes de coco

250 gr de açúcar

100 gr de farinha fina para bolos

50 gr de manteiga ou margarina líquida

3 ovos pequenos

açúcar em pó qb

Canela em pó qb


Preparação:

Começar por bater bem o açúcar com os ovos. Adicionar a farinha, uma colher de chá de canela e a manteiga à temperatura ambiente, mexer bem. Por fim incorporar os iogurtes.

Untar  formas pequenas (ou uma tarteira grande) com manteiga e polvilhar com farinha e verter o preparado nas formas.

Levar a forno pré-aquecido a 180º C até começarem a ganhar cor.

Deixar arrefecer e polvilhar com açúcar em pó e canela a gosto.

 
Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar

Domingo, 01.03.15

Bolo de limão

capa_bolo_limão.JPG

 

Estava eu desejosa por gastar o que me restava de um pacote de farinha de milho e então resolvi fazer um bolinho de limão  Para mim o bolo com esta farinha fica com uma textura maravilhosa e ideal para acompanhar com chá, sobretudo para estas tardes, ainda frias e chuvosas. Ainda assim, acho que prefiro a combinação de sabor com a farinha de trigo, parece que fica mais docinho, mas não era esse o objetivo neste momento  

Inicialmente, quando preparei os ingredientes, a minha ideia era misturar um pouco das duas farinhas, pois não sabia que quantidade restava exatamente da farinha de milho (daí aparecerem as duas na foto dos ingredientes), mas como o pacote rendeu para duas chávenas, acabei por usar só farinha de milho.

Aqui fica  resultado 

 

Ingredientes:

5 ovos

2 chávenas de açúcar moreno

2 chávenas de farinha

1 chávena de óleo

1 colher de chá de fermento

óleo em spray e açúcar branco para untar a forma

1 limão (sumo e raspa)

 

Calda: 2 colheres de sopa de sumo de limão + 3 colheres de sopa de açúcar branco

 

Preparação:

Bater os ovos com o açúcar moreno. De seguida adicionar o sumo e a raspa de um limão. Juntar o óleo e bater novamente. Adicionar aos poucos a farinha e o fermento e bater bem.

Untar uma forma e polvilhar com açúcar branco granulado.

Levar a forno pré-aquecido a 180º por cerca de 45 minutos.

Entretanto preparar uma calda simples, colocando num tacho, em lume brando, 2 colheres de sopa de sumo de limão com 3 colheres de sopa de açúcar branco. Quando o açúcar derreter, desligar e reservar.

Quando o bolo estiver cozido, ainda antes de desenformar, colocar esta calda sobre o bolo. Assim o bolo fica muito brilhante e com um sabor caramelizado.

bolo_limao_1.JPG

bolo_limao_2.JPG

bolo_limao_3.JPG

bolo_limao_4.JPG

 

 

 

 

 

Siga-nos no Facebook em: https://www.facebook.com/pouparcozinhardivagar

Autoria e outros dados (tags, etc)

por pouparcozinharedivagar


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Revista de blogues

Revista de blogues

Blogs Portugal



PARCERIAS


Orivárzea


parmalat


Guloso


Gradirripas


Rialto


Dulcis


Imporcha-Oriental Sensations